Reaprenda a comer de acordo com seu estilo de vida

>> ENGRAVATADO das 9h às 18h

Perfil
Se você trabalha em home office ou em horário comercial com copa no escritório, o universo está a seu favor. “É a situação ideal para fazer boas trocas e controlar a qualidade do que come”, diz a nutróloga Ana Luísa Vilela.

Onde comer
Se puder cozinhar, prepare sua comida com temperos naturais, pouco sal e gordura. Troque frituras e empanados por grelhados e cozidos. Se comer fora, prefira restaurantes por quilo ou planeje o menu à la carte antes de sair.

O que comer
Vale para todo mundo o princípio de um prato colorido e dividido em quatro partes iguais: metade é de verduras e legumes, um quarto tem proteína e outro carboidratos. Pegue no
mínimo cinco cores.

Quando comer
Não precisa se alimentar a cada três horas, mas não espere até morrer de fome. Abuse da regularidade dos seus horários e torne sagrada a hora das refeições e snacks. Isso ajuda a comer porções menores e não se render à bolacha recheada no meio da tarde.

Truques
Planejar é a palavra: pense no prato completo antes de começar a se servir, tenha em casa alimentos mais frescos e naturais e evite rechear a despensa e as gavetas do escritório com soluções práticas, mas muito gordurosas, como congelados comuns ou salgadinhos.
….

>> NOTÍVAGO

Perfil
Acordar na hora do almoço e ir dormir quase na hora do café não facilita o acesso à comida. Quem troca o dia pela noite pode perder a noção se está comendo muito ou pouco e pular refeições importantes.

Onde comer
O notívago tende a comer sozinho, vendo TV ou trabalhando. Os deliveries e fast-foods costumam ser seus companheiros. O ideal, no entanto, é planejar as refeições para tê-las à mão, em qualquer lugar, a qualquer hora.

O que comer
A refeição da noite deve ter fibras. Quanto mais salada, melhor. “Tudo bem não tomar um café da manhã reforçado, mas quebre o jejum com um suco em vez de esperar o almoço”, recomenda a nutricionista Ana Perdigão.

Quando comer
Não passe períodos longos em jejum. Marque hora para se alimentar e se for preciso anote o que está comendo para ver se seu apetite está desregulado. Às vezes falta fome, mas sobra mau humor, sinal de falta de energia por ficar horas sem comer.

Truques
Os deliveries tarde da noite são péssimas opções. Em vez de comer uma pizza às 23h, leve um lanche saudável ou peça um na padaria mais cedo. Em casa, vá de opções rápidas como saladas ou massa integral com legumes.

….

>> WORKAHOLIC

Perfil
Se você praticamente mora no trabalho, é bem possível que as atendentes dos deliveries da região o conheçam pelo nome. Rolou identificação? Faça já adaptações para reduzir os danos, que podem incluir gastrite, cefaleia e ganho de peso.

Onde comer
A mesa de trabalho não é um bom lugar, nem a pressa uma boa companhia. Se tiver que comer na própria mesa, separe pelo menos meia hora para isso. Logo depois de se alimentar, a digestão e o trabalho vão “competir” por energia, e a saúde é quem perde.

O que comer
Se a opção for delivery, escolha comidas com ingredientes frescos, integrais e pouca gordura, como culinária japonesa, saladas, carnes magras e legumes ou congelados saudáveis entregues no escritório. Fique atento às suas emoções: alguém estressado dificilmente vai querer salada no fast food.

Quando comer
Antes de pedir um misto quente na padaria no meio da tarde, veja se é fome mesmo ou se está precisando de uma pausa para descarregar a ansiedade. Quem sempre estica até tarde pode dividir a alimentação do fim do dia entre um lanche no escritório e um jantar leve em casa.

Truques
Prepare-se para os dias corridos. Vale ter congelados saudáveis em casa para quando chegar tarde e cansado ou ter lanches à mão que não dão trabalho para preparar no escritório. Se sabe que não vai sair para comer melhor, programe bem o que vai pedir.

….
>> RATO DE AEROPORTO

Perfil
Quem está sempre mudando de rotina, de horários, de cardápios e de país se dá mal. Com comidas diferentes e sem rotina, é preciso ter uma vida ativa para compensar, preferindo hotéis com academia, por exemplo. E ser bastante disciplinado, já que horários ingratos desregulam o apetite de qualquer um.

Onde comer
Antes de contar calorias, é preciso garantir opções com condições sanitárias mínimas – em alguns países isso não é tão simples. Pratos típicos muito condimentados ou diferentes dos que está habituado também podem “incomodar” o organismo. Na dúvida, procure uma culinária internacional no hotel.

O que comer
“Adapte-se às refeições da região, aproveitando bons alimentos locais como peixes ou vegetais”, diz Ana Luísa. “Não deixe de provar a comida local, porque alimentação também é fonte de prazer, mas não se desespere para experimentar tudo, isso pode sabotar sua saúde”, afirma Ana Perdigão.

Quando comer
Jet lag e conexões desregulam o apetite. A dica das nutricionistas é tentar se adaptar ao horário local: se chegou num país na hora do almoço, mas é hora do café para seu relógio biológico, se ajuste ao local. Numa conexão no meio da madrugada, escolha o menos pior: um lanche com salada é melhor que um salgado frito.

Truques
“Compensar é importante. Se comeu um prato típico mais pesado no almoço, tente achar uma sopinha para o jantar”, explica Ana Perdigão. Escolha ingredientes e preparos leves e com os quais está acostumado, como uma versão local de carnes grelhadas ou cozidas com legumes. E abuse dos supermercados sempre que possível.

…..
>> SR. REUNIÃO

Perfil
Das duas, uma: ou a agenda de reuniões vai bagunçar o horário das suas refeições, ou os coffee breaks vão ser a tentação na forma de pãezinhos, bolos, bolachinhas e refrigerante. Deixar a rédea solta pode ser sinônimo de comer sem consciência e fazer péssimas escolhas.

Onde comer
No trabalho, agenda é tudo – e isso vale para saber onde comer. Planeje uma lista de locais que sejam adequados aos encontros profissionais, mas que também permitam boas escolhas. Dificilmente numa churrascaria ou cantina a salada ou sopa de legumes vai ser a primeira escolha.

O que comer
Em reuniões, não dá para ser o chato que leva a própria comida. Então, escolha o que menos prejudica seu planejamento em uma mesa de coffee break, como frutas frescas e secas, nozes e castanhas. Se houver opções integrais, prefira. Em almoços ou jantares você nunca
vai fazer feio com um peixe e salada.

Quando comer
Nunca sente à mesa morrendo de fome. Primeiro, porque é difícil se concentrar na pauta da reunião. Segundo, porque a prioridade será trabalho, e a chance de comer demais sem nem perceber é alta. Por fim, você pode não ter controle sobre o que será servido, mas pode optar por uma porção menor se não estiver com tanta fome.

Truques
Além dos lanchinhos curinga para os intervalos entre as reuniões, que tal virar a mesa? Sempre que possível, proponha os cardápios, trocando refrigerante por água flavorizada ou sucos, incluindo chás, frutas e castanhas e abolindo opções como balinhas, doces e bolachas.

 

….

 

*Fonte: GQ

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.