A importância a logística reversa de embalagens e a responsabilidade dos fabricantes

As estratégias para a preservação do meio ambiente têm estado cada vez mais em pauta nos últimos anos. Observando os estudos sobre degradação ambiental, os governos têm incentivado ações e criado leis para que as empresas adotem medidas sustentáveis em seus processos produtivos, levando a sociedade a um consumo mais consciente e menos prejudicial.

Em 2010, o Governo Federal Brasileiro aprovou a Lei nº 12.305, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e deu diretrizes sobre a gestão e o gerenciamento de resíduos, delegando responsabilidades aos produtores e ao poder público. A PNRS determina uma responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos, usando como instrumento o conceito de Logística Reversa.
O que é logística reversa?

O conceito de logística reversa pode ser definido como um conjunto de ações e procedimentos que têm como objetivo possibilitar a coleta e o reaproveitamento de resíduos sólidos, fazendo com que eles retornem ao produtor e sejam utilizados novamente em seus ciclos produtivos. Caso isso não seja possível, cabe ao produtor dar a correta destinação ao item, minimizando os impactos ambientais.

A ideia é similar à da reciclagem, sendo que a principal diferença entre essas ações consiste no fato de que o resíduo descartado deve ser retornado e reutilizado pela empresa fabricante de origem.
Logística reversa de embalagens

Embora seja considerada essencial para a preservação ambiental, a logística reversa de embalagens pode acabar se tornando um grande desafio para as empresas. Isso porque o processo depende da ação do consumidor, que precisa ter a atitude de devolver as embalagens e resíduos para que elas retornem à empresa de origem.

O que geralmente acontece, entretanto, é as pessoas descartarem as embalagens e produtos inservíveis juntamente com o lixo comum. Para reverter esse quadro, é necessário que as empresas invistam em estratégias de marketing e conscientização, de modo que seu consumidor entenda a importância de fazer sua parte neste processo.

Embora o processo de logística reversa de embalagens seja de responsabilidade dos fabricantes, é muito comum que a empresa não tenha muito retorno financeiro com a prática. Entretanto, empresários podem encontrar outros tipos de benefícios na apropriação desse processo. O principal deles consiste na possibilidade de associar a marca a práticas sustentáveis em relação ao meio ambiente, criando valor de marketing e ganhando a confiança de consumidores.

Para auxiliar produtores no processo de logística reversa, a Dinâmica Ambiental se especializou justamente na descaracterização e destinação correta de embalagens, além de todos os tipos de aerossóis e demais produtos inservíveis. Localizada em Diadema (São Paulo), a empresa atua em todo o território nacional oferecendo soluções de engenharia reversa, ajudando empresas e indústrias a melhorar seus processos de maneira responsável e sustentável.

………………………………………………………….
*Fonte: dinamicaambiental

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.