Wander Wildner, ontem no Anexo Pub em Venâncio Aires

Ontem, quinta-feira foi  dia de mais um pocket show do Wander Wildner em Venâncio Aires, novamente no Anexo Pub – um lugar legal prá caramba, justamente para esse tipo de show. Sobre o Wander não tenho muito o que comentar ou dizer, foi bem legal e teve aquela vibe  e pegada semi-punk com pitadas de letras romântica – enfim, a marca do Wander, não é!?

Também não sei dizer até onde o público local compreende na real o trabalho dele, afinal não tem solos nem muito menos fritação de guitarra, ele não estudou guitarra flamenca nem violão folk nos EUA, mas toca com a alma e faz uma coisa até bem simples, é verdade, mas que de um modo em que a maioria das pessoas jamais conseguiria fazer ou no mínimo ter uma mesma dose de sua mística e empatia. Coisa fundamental para ser um bom artista. O isso ele e de sombra!

Vejo sua carreira solo como tipo um menestrel com um recado urbano, que propositadamente parece simples mas é dotado de uma mensagem FORTE. E nisso tudo, uma espécie de mistura liquidificada de Iggy Pop, Nick Cave, Neil Young e Belchior, resultando disso tudo um sumo gaúcho-tupiniquim, de ótima cepa.

Quem foi, foi. Quem viu, viu. Eu particularmente gostei mais do show anterior dele aqui, que foi no final do ano passado, apesar de ter tocados logo de cara novas composições na abertura do show. Acho que o público esteve muito comportado dessa vez – aliás, mesmo que seja apenas ele sozinho no palco com suas composições cheias de romantismo e sua guitarra, não deixa de ser uma “festa punk”.

Nota bacanuda da noite! Sim, para a próxima vez já está marcado, vou fazer uma participação de leve tocando baixo junto com ele em algumas músicas. E também fiquei emocionado quando lá pelas tantas ele ao microfone cita meu nome e me oferece uma música. Mazáh! Eternamente grato por isso.

E sim, no final teve toda aquela resenha de primos e uma bela troca de ideias, bem mais longa do que nas vezes anteriores, tanto que ficamos de prosa até o bar fechar suas portas. Valeu. Keep on rock.

Abaixo algumas fotos de show de ontem. Poucas, afinal não vivo a ditadura do celular e das selfies, o lance ontem era curtir o momento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.