National Goeographic Oficializa o 5º Oceano da Terra

Na semana passada, exatamente no Dia Mundial dos Oceanos, os cartógrafos da National Geographic Society dos EUA decidiram presentear o planeta Terra com mais um oceano ao acrescentar o Oceano Antártico, que circunda a Antártica, aos seus quatro “irmãos” mais velhos Atlântico, Pacífico, Índico e Ártico.

A nova designação chega atrasada por pelo menos uns 100 anos. Cientistas e navegadoras que conhecem as águas ao redor do continente gelado do extremo sul do planeta reconhecem e apregoam aos quatro cantos que aquelas são diferentes de qualquer outro tipo de água dos demais oceanos.

Segundo Seth Sykora-Bodie, cientista marinho da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional dos EUA (NOAA), embora seja difícil explicar o que há de diferente na região, “todos concordarão que as geleiras são mais azuis, o ar mais frio, as montanhas mais intimidantes e as paisagens mais cativantes do que qualquer outro lugar que você possa ir”, afirmou ao site da National Geographic.

Como os são definidos os oceanos?

O geógrafo oficial da NOAA, Alex Tait, também falou ao site da NatGeo, explicando que o reconhecimento oficial só não ocorreu antes porque “nunca houve um acordo internacional”. “É uma espécie de nerdice geográfica em alguns aspectos”, resumiu. Porém, a partir do dia 8 de junho de 2021, a nerdice acabou: o Oceano Antártico é oficialmente o quinto oceano da Terra.

Embora a diferença entre mar e oceano seja clara, o tamanho, ainda é difícil dizer exatamente o que é um oceano, a não ser repetir que eles são massas líquidas mais extensas (o menor deles tem 73 milhões de quilômetros quadrados) e mais profundas. O navegador espanhol Vasco Nuñez de Balboa já reconheceu, no início do século XVI, que aquelas águas no fundo do mundo eram o “Oceano Antártico”.

Após intensas discussões acadêmicas e científicas, o que definiu realmente o Oceano Antártico foi uma corrente marítima, a Corrente Circumpolar Antártica (ACC), que flui de oeste para leste. Essas águas, que dão singularidade ao oceano, são mais frias e um pouco menos salgadas do que as águas dos oceanos que ficam ao norte. Além disso, a ACC puxa águas mais quentes do Atlântico, Pacífico e Índico ao redor do planeta.

*Por Jorge Marin
………………………………………………………………………………
*Fonte: megacurioso

20 frases brilhantes de Albert Einstein, o físico teórico mundialmente famoso

Décadas depois de sua morte, o legado de Albert Einstein continua. Ele é frequentemente considerado o pai da física moderna à luz de suas ideias revolucionárias que moldaram nossa compreensão do universo.

A ascensão do prolífico cientista ao status de celebridade, no entanto, não aconteceu da noite para o dia. Ao contrário de muitos outros cientistas famosos de sua época, Einstein não tinha um registro educacional impecável e não estava bem posicionado na comunidade científica. Ele encarnava perfeitamente o estereótipo de um gênio solitário que tipicamente trabalhava sozinho. Em 1905, ano em que completou 26 anos, Einstein publicou quatro artigos inovadores que estabeleceram as bases para sua teoria da relatividade, E=mc2 e mecânica quântica. Mas seu trabalho, na maior parte, não foi notado na época.

Um eclipse solar em 1919 foi o divisor de águas em sua carreira, quando uma de suas previsões da relatividade geral foi confirmada pelo astrônomo Sir Arthur Eddington. Einstein ganhou o Prêmio Nobel de Física em 1921 por sua explicação sobre o efeito fotoelétrico — não pela relatividade, ironicamente.

Desnecessário dizer que Einstein não exigiu muita introdução ao público americano quando imigrou para os EUA em 1933, quando pediu asilo durante a ascensão de Hitler ao poder. Einstein, aceitou um cargo no Instituto de Estudos Avançados de Princeton e usou sua fama para compartilhar suas opiniões sobre política, religião etc. Nascido na Alemanha e judeu, Einstein estava em uma posição única para falar contra a Alemanha nazista e a perseguição do povo judeu. O cientista também criticou o racismo, a discriminação e a injustiça que ele observou nos EUA.

Perto do fim de sua vida, Einstein recebeu a oferta para ser presidente de Israel, posição que recusou, citando a falta de experiência e habilidades. Ele faleceu alguns anos depois, em 1955, de insuficiência cardíaca. Deixou para trás uma vida inteira de contribuições científicas notáveis e comentários sociais que sobrevivem até hoje.

Einstein é talvez o cientista mais citado de todos os tempos, algo que ele não pretendia. Em 1953, ele brincou: “No passado, nunca me ocorreu que cada comentário casual meu seria capturado e gravado. Caso contrário, eu teria rastejado mais para dentro da minha concha.

No entanto, as palavras que ele deixou para trás podem ser a melhor maneira de penetrar na mente desta lenda. Segue uma coleção de citações de Einstein — de inspiradoras a instigantes — que oferecem um vislumbre de como ele via o mundo e seu trabalho.

As 20 Citações mais famosas de Albert Einstein

“A coisa mais incompreensível sobre o mundo é que ele é compreensível.”

“Onde o mundo deixa de ser a cena de nossas esperanças e desejos pessoais, onde o enfrentamos como seres livres admirando, pedindo, observando, lá entramos no reino da arte e da ciência.”

“Um ser humano é uma parte do todo, chamado por nós de “universo”, uma parte limitada no tempo e no espaço.”

“Se eu não fosse um físico, eu provavelmente seria um músico. Eu sempre penso na música. Eu vivo meus devaneios na música. Eu vejo minha vida em termos de música… Não sei dizer se teria feito algum trabalho criativo de importância na música, mas sei que tenho mais alegria na vida do meu violino.”

“Os maiores cientistas também são artistas.”

“Ocorreu-me por intuição, e a música foi a força motriz por trás dessa intuição. Minha descoberta foi o resultado da percepção musical.”

“Acredito em intuições e inspirações. Às vezes sinto que estou certo. Eu não sei o que eu sou.”

“A tarefa suprema do físico é chegar às leis elementares universais das quais o cosmos pode ser construído por pura dedução. Não há caminho lógico para essas leis; apenas a intuição, repousando na compreensão simpática da experiência, para poder alcançá-las.”

“A vida é como andar de bicicleta. Para manter o equilíbrio, você deve continuar se movendo.”

“Eu acredito em uma coisa – que apenas uma vida vivida para os outros é uma vida que vale a pena viver.”

“Eu sou artístico suficiente para desenhar livremente usando a minha imaginação. A imaginação é mais importante que o conhecimento. O conhecimento é limitado. A imaginação cerca o mundo.”

“A experiência mais bonita que podemos ter é a misteriosa. É a emoção fundamental que está no berço da verdadeira arte e da verdadeira ciência. Quem não conhece e não pode mais se perguntar, não se maravilha mais, é tão bom quanto um morto, e seus olhos estão escurecidos.”

“O importante é não parar de questionar. A curiosidade tem sua própria razão para existir. Não se pode deixar de ter medo quando contempla os mistérios da eternidade, da vida, da maravilhosa estrutura da realidade. Basta se alguém tentar apenas compreender um pouco deste mistério todos os dias.”

“Meu interesse pela ciência sempre se limitou essencialmente ao estudo dos princípios… Que eu tenha publicado tão pouco é devido a essa mesma circunstância, pois a grande necessidade de compreender princípios me fez passar a maior parte do meu tempo em perseguições infrutíferas.”

“Minha paixão por justiça social frequentemente me levou a conflitos com pessoas, assim como minha aversão a qualquer obrigação e dependência que eu não julgue absolutamente necessária.”

“Embora os reinos da religião e da ciência em si sejam claramente definidos um em relação ao outro, no entanto existem entre as duas fortes relações recíprocas e dependências.”

“A ciência é internacional, mas seu sucesso é baseado em instituições, que pertencem às nações. Se, portanto, queremos promover a cultura, temos que combinar e organizar as instituições com nosso próprio poder e meios.”

“Por que essa magnífica ciência aplicada que salva o trabalho e facilita a vida nos traz tão pouca felicidade? A resposta simples é: Porque ainda não aprendemos a fazer uso sensato dela.”

“Uma coisa que aprendi em uma vida longa: que toda a nossa ciência, medida contra a realidade, é primitiva e infantil — e ainda assim é a coisa mais preciosa que temos.”

“Todas as religiões, artes e ciências são ramos da mesma árvore. Todas essas aspirações são direcionadas para enobrecer a vida do homem, levantando-a da esfera da mera existência física e levando o indivíduo para a liberdade.”

*Por Marcelo Ribeiro
……………………………………………………………………………………………
*Fonte: hypescience