Cachorros choram quando se reencontram com seus tutores; entenda ‘hormônio do amor’

Os seres humanos não são os únicos animais que choram de alegria: um novo estudo concluiu que, além dos latidos, saltos e lambidas, os cachorros também choram de felicidade quando reencontram seus tutores humanos.

Realizado por cientistas japoneses, o estudo concluiu que a quantidade de lágrimas nos cães aumenta consideravelmente no momento do reencontro, a partir da produção do “hormônio do amor”.

O estudo é o primeiro a vincular a produção de lágrimas às emoções de alegria dos cães

A pesquisa foi publicada na revista científica Current Biology e mediu a quantidade de lágrimas sob as pálpebras a partir de um teste chamado Schirmer, comparando o momento do encontro com a quantidade em contexto habitual.

Após uma separação de 5 a 7 horas de duração, a quantidade de lágrimas aumentou significativamente após cinco minutos de reencontro.

A pesquisa mediu a produção de lágrimas a partir do momento de reencontro com os tutores

“Nunca havíamos ouvido sobre animais que derramaram lágrimas em situações felizes, como ao se reencontrarem com o dono”, afirmou Takefumi Kikusui, cientista da Universidade de Azabu, no Japão, e um dos autores principais do estudo.

O teste foi realizado com fitas de papel absorvente sob os olhos, e concluiu não somente que os cães só choram no momento do reencontro com seus donos, como que o aumento nas lágrimas não acontece em encontros com outros humanos.

As lágrimas tem função sentimental semelhante a dos bebês, para incitar a empatia humana

Essa foi a primeira vez que o choro canino foi cientificamente vinculado às emoções, e⁠ para entender a função das lágrimas caninas, o estudo também mediu a reação dos donos ao choro dos animais através de fotos; as imagens em que lágrimas foram incluídas digitalmente foram ordenadas como as que mais davam vontade de cuidar dos cães.

O choro, portanto, funciona em comunicação semelhante às lágrimas dos bebês, incitando maior afeto e estima nos seres humanos.

Hormônio do amor
O aumento na quantidade de lágrimas está diretamente ligado, segundo o estudo, à oxitocina. Também conhecido como “hormônio do amor”, a oxitocina é produzida pelo hipotálamo, e tem diversas funções como promover as contrações musculares uterinas e reduzir o sangramento durante o parto, estimular a liberação de leite materno, reduzir o medo, desenvolver afeto, apego e empatia entre as pessoas, e produzir o prazer de um orgasmo.

A produção de lágrimas é diretamente ligada à oxitocina, conhecida como “hormônio do amor”

“É possível que os cães que mostram olhos marejados durante as interações façam com que sejam mais cuidados”, afirmou Kikusui.

“As lágrimas podem desempenhar um papel no aprofundamento dos relacionamentos mútuos e aumentar os vínculos entre as espécies”, concluiu o texto da pesquisa.

*Por Vitor Paiva
………………………………………………………………………
*Fonte: hypeness

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.