Nei Lisboa 6.0 Documentario Completo

Sou suspeito em falar sobre o Nei Lisboa, porque mesmo sendo um cara que curte o tal do rock’n roll desde piá, é impossível negar a grande importância que uma certa turma da música gaúcha fez na construção de minha cultura, como também na de muitos pessoas da minha geração – talvez influenciados diretamente pela força das ondas do rádio da Ipanema FM naqueles 80/90’s.

Imagina então minha felicidade agora com esse documentário do Nei Lisboa.
Salve Nei!

Tudo bem, até entendo que a tal “nova geração” nem saiba do que ou quem se trata, provavlemente nem esteja aí para a sua arte/música, ou então de seus contemporâneos e também importantes músicos, como: Vitor Ramil, Bebeto Alves, Julio Reny, Tangos & Tragédias e Nelson Coelho de Castro. A vida segue, mas as oportunidades da descoberta de coisa belas e incríveis reside apenas com aqueles de mente aberta. E se você não os conhece, bem, azar ou seu….kkkkkk

 

Documentário: “A Inventora – À procura de sangue no Vale do Silício” (DUBLADO)

Taí um documentário que me chamou a atenção, akiás, na verdade me imprecionou bastante! Muito bom.

É sobre uma jovem americana Elizabeth Holmes, que teve uma grande ideia e se torna uma grande empresária do ramo da saúde nos EUA, criando uma máquina que a partir de uma gota de sangue faz vários exames médicos.Ela consegue inúmeros importantes aliados / investidores para essa sua invenção, que diga-se, sempre foi misteriosa. A partir disso monta uma empresa no Vale do Silício e o resto é história. E que história. Muito dinheiro, negociações, mentiras, acusações, pressão, tudo para um bom drama da realidade.

*Fica a dica a quem interessar possa. É um vídeo longo para os tempos de “urgência” atual, onde vídeos de mais de 3 min não prendem a atenção da maioria das pessoas…. rsrsrsrsr. Então como digo, esse documentário é para poucos.

The Origins of Alien: veja trailer assustador do documentário de Alien

Documentário sobre a produção de Alien segue padrão estilístico e perturbador do filme original

O documentário “Memory: The Origins of Alien”, anunciado no ano passado, finalmente ganhou seu primeiro trailer. O longa é dirigido e escrito pelo famoso documentarista Alexandre O. Philippe – conhecido por sua análise minuciosa da cena do chuveiro de Psicose (78/52). Dessa vez, porém, o diretor olha para um clássico da ficção científica: Alien.

O filme focará em analisar a obra-prima de Ridley Scott e todo o processo que houve por trás do longa inovador.

“Memory: The Origins of Alien” não ficará restrito a uma cena específica, como foi o caso de 78/52, mas a toda a produção deste filme de 1979, revendo coisas como produção, temas ou como Scott conseguiu projetar as salas claustrofóbicas.

*O documentário foi lançado nos Estados Unidos em outubro de 2019.

*Por Clara Guimarães

…………………………………………………………………
*Fonte:

Dica de quarentena: Toda Costa Brasileira de moto – Caminhos da América (vídeo – documentário / moto)

Vantuir Boppre é escritor, documentarista de moto aventura, instrutor de pilotagem, palestrante e Mensageiro da Paz pela UNESCO.

Em 20 de março, publicou nas suas redes sociais que: “Cada um de nós pode dar sua colaboração nesse momento. A estrada ensina isso: Quer ir rápido, vá sozinho. Quer ir longe, vá em grupo.” Liberando o documentário “Beira Mar” – capítulo 3 do projeto Caminhos da América

[ Clicando aqui ] você poderá conhecer um pouco mais do projeto Caminhos da América, do próprio Vantuir Boppre com suas palestras e cursos de pilotagem off road para Big Trail.

*Confira aqui o próprio recado do Vantuir Boppre sobre a quarentena e a liberação dos eu vídeo:

……………………………………………………………………..
*Fonte: r7 – Andre Garcia

Documentário sobre Quentin Tarantino estreia em dezembro

Sem dúvidas, Quentin Tarantino é um dos diretores mais respeitados atualmente. Mesmo com poucos filmes lançados (se compararmos com outros cineastas), o cara tem obras aclamadas pelo público e crítica.

Agora, quem curte o trabalho de Tarantino vai poder conhecer mais de sua vida no documentário “QT8: The First Eight”, que estreia ainda esse ano.

Com duas horas de duração, a produção promete passear pelos 21 anos de carreira do diretor, abordando seu modo de trabalho, sua visão sobre cinema e sua singularidade. Para isso, serão utilizadas entrevistas de vários colegas de profissão e atores que trabalharam com Tarantino.

Christoph Waltz, Michael Madsen, Diane Kruger, Zoë Bell, Bruce Dern, Samuel L. Jackson, Jennifer Jason Leigh, Jamie Foxx, Lucy Liu, Eli Roth, Tim Roth, Kurt Russell e vários outros nomes dão seus depoimentos no documentário.
VEJA: Esculpindo diretores famosos

O nome escolhido para a produção faz referência aos oito filmes feitos pelo diretor até o final das filmagens: Cães de Aluguel (1992), Jackie Brown (1997), Kill Bill (2003 e 2004), À Prova de Morte (2007), Bastardos Inglórios (2009), Django Livre (2012) e Os Oito Odiados (2015).

Com “Era Uma Vez em… Hollywood”, lançado no Brasil em agosto deste ano, o cineasta chega à marca de nove filmes, mas ele não entra na conta do documentário.

“QT8: The First Eight” chega às plataformas de streaming no dia 3 dezembro deste ano.

……………………………………………………………….
Por Álisson Boeira
*Fonte: revistak7

Beastie Boys lança documentário de 25 anos de Ill Communication

Adam Horovitz e Michael Diamond, mais conhecidos respectivamente como Ad-Rock e Mike D, são dois dos três integrantes e fundadores do icônico grupo de rap Beastie Boys. Para comemorar 25 anos do clássico Ill Communication, eles se juntaram à Amazon Music para produzir um mini-documentário sobre o disco de 1994.

Na última quinta, 30, foi divulgado um trailer do projeto, que tem como objetivo contar todo o processo de composição, idealização e gravação do quarto álbum do trio, responsável por aumentar ainda mais o número de fãs que já os acompanhavam na época com músicas como “Sabotage”, “Sure Shot” e “Get It Together”.

Still Ill: 25 Years of Ill Communication contará com entrevistas exclusivas, além de gravações de arquivo pessoal de Adam Yauch, o MCA, integrante que morreu em maio de 2012.

O vídeo começa com os músicos contando um episódio curioso sobre o surgimento improvável da ideia para o hit “Sabotage” (que tem um clipe incrível dirigido por Spike Jonze).

No documentário, os Beastie Boys contam também sobre como o disco fez eles evoluírem como músicos e compositores, a recepção do trabalho pela crítica e pelo público, e o efeito que teve nos anos seguintes da carreira do grupo.

………………………………………………………………..
*Fonte: rollingstone

Documentário sobre Liam Gallagher está pronto e tem aprovação do músico

As It Was vai contar a jornada de Liam após sua saída do Oasis, e sua aventura como artista solo.

Liam Gallagher é o foco do documentário As It Was (referência direta ao seu disco solo As You Were, de 2017), e o músico tuitou que, além de pronto, o filme está aprovadíssimo.

O longa foi anunciado inicialmente em 2018, e deve contar, de acordo com a sinopse dramática, “a emocionante história de um dos maiores líderes de uma banda de rock”, e sua trajetória da fama do Oasis até ficar “marginalizado e perdido na selva musical do tédio, álcool e brigas judiciais chatas”.

Dirigido por Charlie Lightening, As It Was também se propõe a mostrar “Liam emergindo da sombra de Noel”, e como ele “lidou com as expectativas de fazer parte da maior banda do mundo, e decidir começar de novo sozinho, sem nada nem onde se esconder”.

……………………………………………………………..
*Fonte: rollingstone

“Raul Seixas O início, o Fim e o Meio” – Documentário (completo)

Enquanto o mundo fervilhava nas trepidações das motos de Easy Rider, no ritmo frenético de Elvis Presley, nos poetas Beatniks, na explosão da contracultura, um menino da Bahia deu a luz ao rock no Brasil. Um disco voador desgovernado que abduziu o coração e a mente de milhares de fãs. Raul Seixas, um homem que virou mito. O filme desvenda a trajetória da lenda do Rock através de imagens raras de arquivo, encontros com familiares, conversas com artistas, produtores e amigos. Raul Seixas morreu jovem porque viveu intensamente. Rock´n roll, amor livre, sociedade alternativa, drogas, magia negra, ditadura militar, mulheres e filhas. Um homem que queria viver da sua obra e morreu por ela. O início, o fim e o meio se confundem, porque a história ainda não acabou.

Direção: Walter Carvalho (2012)
Prêmios: Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – Melhor Montagem de Documentário,
Indicações: Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – Melhor Direção

 

 

 

 

 

>>> Assista aqui abaixo, este excelente documentário