The Signal Hill Speed Run – (documentário/ skate down hill) Trailer

No canal Off (TV por assinatura) recentemente assisti ao documentário The Signal Hill Speed Run, narrado pelo músico Ben Harper e que conta dos primórdios do skate down hill, nos EUA (70’s). Muitas imagens incríveis da época e também entrevistas atuais com os skatistas.

Se você curte skate ou não, pouco importa, assista então apenas por curiosidade a este documentário se for o caso, mas assista, é muito bom.
Fica a dica!!!!!!

 

 

*Para assistir na íntegra (mas em inglês / sem legendas):

https://www.redbull.tv/video/AP-1MZQY4CTN1W11/the-signal-hill-speed-run?playlist=AP-1MZQY4CTN1W11

Natal Solidário Tutaloko 2016

Hoje foi dia do Natal Solidário Tutaloko. Esse evento que acontece já há vários anos em Venâncio Aires, perto do dia de Natal, quando o grupo de Trilheiros Tutaloko percorre várias regiões do interior do município entregando presentes de Natal para as crianças carentes e alguns ranchos para famílias pobres das localidades. Uma forma de carinho, atenção e sobretudo de respeito para com aqueles que vivem na região onde os trilehiros comumente circulam durante o ano.

A função começa geralmente num sábado bem cedo, por volta das 7 horas, quando o grupo se reúne junto com professores em frente ao Colégio Gaspar Silveira Martins. A saída ocorre descendo a rua central da cidade e depois seguindo em direção a escolas pré determinadas (alunos pequenops esperando – muitas vezes com cartinhas e encenações para o Papai Noel) e ainda várias localidades distantes e muitas até, de difícil acesso, onde residem pessoas pobres e carentes do interior do município de Venâncio Aires (RS). Isso sempre ocorre nessa época de muito calor, final de ano e dá um baita cansaço. Mas sem dúvida é esforço que vale muito a pena.

Este ano, mais uma vez pude participar do evento e mesmo que já fazem dois anos que não tenho mais moto de trilha, já particiepei das últimas 5 ou 6 vezes. Afinal – “Uma vez Tutaloko – Sempre Tutaloko”. Um amigo me oferece a sua moto emprestada, porque ele tem de trabalhar nos sábados de manhã e não consegue participar, então sobra prá mim e vamu-qui-vamu. – Valeu Klerio (#49)!

Não quero aqui ficar fazendo proselitismo, então o que digo é que para mim e para o grupo todo, é um grande prazer prestar esse “pequeno” favor a estas pessoas do interior. Sei que isso não resolve o problema de suas vidas, mas ao menos é uma carinho e felicidade para a criançada e o idosos. E se vocês vissem a alegria dessas crianças com o Papai Noel chegando de moto na porta de suas casas, báh!!!!

Mas enfim, é isso ae. Eu que via de regra faço fotos de tudo que empreitada envolvendo motos, dessa vez me dei mal. Levei minha câmera fotográfica mas esqueci de verificar antes de sair, se ela estava com a bateria carregada. Adivinha?
Sim, já na primeira foto que fui fazer a coisa arregou. Só lamento.

*Mas consegui algumas imgs que amigos fizeram, só para ilustrar um pouquinho doe vento.

img_5883

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

img_5891pp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

img_5890pp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

img_5887pp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

img_5886pp

 

Paixão em dois tempos

Ontem assistindo a prova do atletismo feminino de salto com vara nas olimpíadas do Rio 2016, rapidamente me apaixonei por duas belas atletas.

Primeiro foi a grega Ekaterini Stefanidi, que aliás, no final ficou com a medalha de ouro. Ela tem um jeitinho de caminhar muito bacana e ficava de costas para os saltos das adversárias, como quem preferia não ver o desempenho delas para não afetar a sua concentração. Gata!

A outra atleta que também me chamou a atenção foi a jovem Eliza McCartney, de apenas 19 anos, da Nova Zelândia. Essa menina é uma graça, ia lá, saltava e de primeira passava de fase, o tempo todo com um belo sorriso em seu rosto.  Esteve muito bem na maior parte da prova, parecia uma veterana do circuito mundial que sabia muito bem o que estava fazendo. Torci por ela o tempo todo mas no final não deu prá ela e acabou é com o bronze no peito. Na próxima ela vai melhor, podem anotar aí e confiram daqui há 4 anos o que eu disse agora.

Valeu girls!

IMG_1496

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1514

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1507

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1511

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1499

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1493

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_1498

Jeff Gordon volta a correr em Indianápolis

O mito Jeff Gordon, que se aposentou das pistas da Nascar Sprint Cup no final da temporada 2015, pode voltar a competir na etapa de Indianápolis, na próxima semana, substituindo Dale Earnhardt Jr.. O piloto da Hendrick Motorsports está com uma concussão na cabeça, cuja causa está sob investigação. A princípio, pode ser pelo número de acidentes em que ele se envolveu neste ano. Em função desse problema, o piloto do Chevrolet #88 não corre neste final de semana, em New Hampshire.

Caso Dale Earnhardt Jr. não se recupere a tempo, Gordon se comprometeu a substituí-lo em Indianápolis. Quatro vezes campeão da Nascar, com 93 vitórias em 797 corridas, Jeff iniciou sua carreira na Hendrick Motorsports, há 23 anos. Na etapa de New Hampshire, quem irá substituir Dale Earnhardt Jr. será Alex Bowman, 23 anos, que fará sua primeira corrida na Nascar Sprint Cup. O piloto tem competido na XFinity Nascar.

O gerente-geral da Hendrick Motorsports ,Doug Duchardt, disse que não vai especular sobre a possibilidade de Jeff Gordon vir a terminar a temporada pilotando o Chevrolet #88. Earnhardt, o piloto mais popular do atual grid da Nascar, esteve fora por duas corridas em 2012, após envolver-se em acidentes. Dale Jr. compete há 17 anos na categoria e nesta temporada está na corrida para ficar entre os 16 pilotos que vão correr o Chase. Ele ainda não venceu nenhuma prova nesta temporada.

*Fonte: esporteinterativo

IMG_0048

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

jeffg02

Nascar 2015 – Definição do campeão acontece neste domingo em Miami

E chegou a hora da decisão da Nascar Sprint Cup 2015, a última e derradeira prova acontece neste domingo (22/11/2015), na prova de Homestead – Miami (EUA), quando o título de campeão será decidido entre apenas 4 pilotos possíveis: Jeff Gordon (#24), Kevin Harvick (#4), Martin Truex Jr. (#78) e Kyle Busch (#18).

Aliás, pela primeira vez, os 4 pilotos que concorrem ao título de campeão da Nascar Sprint Cup são todos do agrado aqui do Banjoblog, nenhum sofre da tal rejeição por parte da casa. Boa sorte!

NASCAR-THE-FINAL_01pp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dover International Speedway - Day 2

 

 

 

 

 

 

NASCAR-THE-FINAL_04

 

 

 

 

 

 

NASCAR-THE-FINAL_05