Aproveitando o sol do sábado de feriadão

Fim de semana de feriadão de dias bonitos e ainda com uma temperatura prá lá de agradável, bom momento para se pegar a estrada. Hoje enteão, como de costume quando o trajeto não é muito longe, eu e o Pretto saímos logo no começo da tarde e fomos até Santo Amaro do Sul/RS. Uma viagem muito boa, que nos finais de semana a estrada é de pouco movimento com belas paisagens de campos, criação de gado e lavouras, sendo que a maior parte do caminho é em asfalto, mas somente até a entrada da cidade (parte histórica), onde começa um trecho de estrada de chão, que não é muito longo (alguns poucos Kms).

As coisas mudaram desde a última vez em que estive por lá esse ano, há alguns meses atrás. E digo – prá melhor! Agora tem uma bela sinalização já na entra, junto a RS 244, ficando assim bem mais fácil e prático de se chegar até o centro histórico de Santo Amaro do Sul que tem uma região central com casarios antigos, uma bela praça com uma árvore frondosa em frente a tradicional igreja e depois, não muito longe (algumas quadras rua abaixo), já se encontra a margem do Rio Jacuí. E nesse mesmo pacote de viagem, um pouco mais adiante apenas, se encontra a Barragem Eclusa de Amarópolis.

Enfim, um pacote completo de viagem com tudo bem perto uma coisa da outra. Fica a dica, porque vale a pena o passeio. Na entrada da cidade, ainda no trecho de estrada de chão, tem um mirante de madeira com uma altura tipo de uns dois ou três andares. Muito bacana, a intenção deve ser a de se enxergar a vila mais adiante, mas só que de longe, ou ao menos foi o que deu para perceber hoje, apenas dá para ver um pouco das torres da igreja por entre as árvores e tal, vide que o povoado não tem nenhum grande prédio. Mas já começa bem a coisa porque é legal subir nesse mirante de qualquer modo. Depois voltamos para as motos e seguimos em frente.

Estacionamos na praça central, que mais do que óbvio, perto da igreja. Então fomos dar uma conferida bem de perto, fazer uma fotos, aquela função de sempre.

Contando depois dessa trip de hoje para minha mãe, ela comentou que num desses casarões perto da árvores da igreja, era a casa onde em sua infância morou a mãe do cantor Wander Wildner, meu primo.

Em seguida rumamos até a beira do rio Jacuí, que estava bem cheio. A outra vez em que estive ali no começo do ano, havia até uma prainha, que aliás, hoje estava submersa. Demos uma apreciada no local e seguimos em frente rumo até a eclusa. O caminho é cheio de casinhas de pescadores, creio que talvez a maioria seja de pessoas que curtem pescar mais como um hobby de final de semana, férias ou temporadas, do que vivem propriamente dito da atividade mesmo.

Aí vem a parte que eu julgo a mais interessante dessa trip, o local é bonito, uma obra do Estado Federal, num estado bem cuidado (ao menos a grama e a grande parte da estrutura) que e lembra muito de ser um versão “redux” de outra eclusa, aqui perto também, de Bom Retiro do Sul / RS. Muitos detalhes parecidos, só que numa proporção talvez um pouco menor em termos de estrutura. Daí é aquela coisa, caminha prá cpá, caminha prá lá, sobe na escadaria do prédio de controle, que aliás, parece ser uma sala tirada do estúdio do seriado de TV LOST, uma coisa tecnológica mas travada no tempo tipo anos 60, saca!? Interessante. Mais umas fotos, o rio estava cheio e com uma forte correnteza, situação bem diferente da outra vez também.

Ficamos um tempo por lá, caminhamos por tudo que lado,até conversamos com o vigia do local, que nos deu algumas informações do procedimento do local e algumas coisas mais. Muito legal.

Depois era só voltar para casa. Um passeio bem legal e interessante, num belo dia de sol para se andar de moto. Essa função toda foi de uns 150 Km rodados, não durou a tarde inteira e assim mesmo rendeu um passeio curto e bem diferente do habitual para nós (V. Aires – Santo Amaro do Sul). Na volta ainda uma passagem pela estrada velha que liga V.Aires / Sta Cruz do Sul, com muitos buracos diga-se, com direito a curzar na frente do encontro de Balonismo que está acontecendo na cidade esse final de semana.

A viagem toda foi tranquila e sem nenhuma perrengue (blz). Mais um sábado muito bem aproveitado. Valeu!

*Confira então abaixo um pouco dessa viagem de hoje, através de algumas fotos: