Chick Corea & Return to Forever

Nunca fui um grande conhecedor ou entusiasta do jazz, sempre preferi o bom e velho blues e sua vertente mais barulhenta, o rock’n roll. Mas quando o assunto é jazz, mais precisamente algo como o “fusion jazz”, um dos primeiros nomes que vem à cabeça é o de Chick Corea. Eu tenho lá de meus tempos de roqueirinho adolecentola dois LPs dele, e admito que não foram comprados na época por causa única e exclusivamente dele, mas sim pela somatória de suas músicas com os músicos que o acompanham. Aliás, ele sempre se cercou de outros ótimos instrumentistas.

Lembro de que uma das primeiras vezes em que vi em vídeo um baixista com um baixo de 6 cordas em mãos e quase não acreditei na monstruosidade que era aquilo – Como assim? Um baixo de 4 cordas já é uma incomodação e tanto…!?…rsrsrssr. E foi justamente o excelente baixista John Patitucci, o autor dessa prozea, que aliás, era da banda de Chick Corea. Sem falar nos tantos bateristas de outro mundo que tocaram com ele: Dave Weckel, Lenny White e Steve Gadd (sempre uma show a parte assistir a essa rapaziada).
Enfim, descanse em paz Chick Corea!

*Esses últimos anos tem sido realmente muito tristes em termos de perdas de músicos e artistas famosos. Justamente “eles”, os que nos fazem sentir a vida em outros termos, via de regra, melhor.

Peter Frampton faz covers de David Bowie, Lenny Kravitz, Radiohead no novo álbum instrumental – Frampton Forgets the Words

O novo álbum de covers, com lançamento previsto para 23 de abril, mostra a lenda da guitarra elétrica prestando homenagem instrumental a David Bowie (Loving the Alien), George Harrison (Isn’t It a Pity), Lenny Kravitz (Are You Gonna Go My Way) e outros junto da Peter Frampton Band.

Frampton Forgets the Words foi co-produzido por Frampton e Chuck Ainlay, e gravado / mixado no próprio Studio Phenix de Frampton em Nashville.

“Este álbum é uma coleção de dez de minhas músicas favoritas”, disse Frampton em um comunicado.

“Minha guitarra também é uma voz e eu sempre gostei de tocar minhas linhas vocais favoritas que todos nós conhecemos e amamos. Essas faixas são minha grande banda e eu prestando homenagem aos criadores originais desta música maravilhosa. Muito divertido de fazer e eu realmente espero que você goste também. ”

Ouça a versão da lenda da guitarra sobre Reckoner do Radiohead agora

………………………………………………………………………………………
*Fonte: guitarworld

Steve Vai – Bop!

Escute a faixa Bop! que estará no novo álbum do incrível guitarrista Steve Vai – “Modern Primitive / Passion and Warfare 25th”. O álbum “duplo”, será lançado em 24 de junho e terá materiais remasterizados do seu primeiro álbum  “Flex Able” com canções do “Passion and Warfare”. É aguardar.

*Fonte: guitarload

Pata de Elefante – o fim!

Com estas palavra o baterista Gustavo Telles anunciou o fim da incrível banda de rock instrumental Pata de Elefante

… “Pessoal, a Pata de Elefante acabou! Foram 11 anos de trajetória, 4 discos lançados (o último será lançado pela internet em abril), shows em diversos estados e músicas utilizadas em trilhas sonoras de filmes, entre tantas realizações. Agradecemos a todos que auxiliaram a Pata a desenvolver sua música e a todos que curtem! A música fica! E a vida segue! Forte Abraço a todos!”…

*Para mim uma das melhores (se não “a melhor”) banda de rock gaúcha de todos os tempos, uma pena este final de atividade, mas por outro lado também continuam todos por ae na ativa e mantendo a chama do rock muito bem acessa. O excelente trabalho que desenvolveram ao longo desses anos vai permanecer e no final das contas é isso que interessa.
De minha parte, como fan da banda, só resta desejar a todos os membros da banda um futuro cheio de novas possibilidades e sucesso musical. Muito obrigado pela bela e especial música de vocês! Thanks.