Alta inicia testes da moto elétrica em pista de SX com Darryn Durham

A Alta Motors aposta que pode começar a disputar o AMA Supercross com sua moto elétrica já em 2018.

Os testes no SX começaram faz tempo, claro, mas recentemente a marca norte-americana divulgou este vídeo com Darryn Durham provando a moto em uma pista de SX profissional.

Já é certo que a moto estará novamente no Red Bull Straight Rhythm, em outubro. É possível também que ela apareça em corridas na Europa.

……………………………………..
*Fonte: brmx

Definida a equipe brasileira para o MXDN

A equipe que representará o Brasil no Motocross das Nações deste ano está definida. Hector Assunção na MX1, Anderson Cidade na MX2 e Rafael Faria na Open foram os escolhidos. O chefe da equipe será Manuel Hermano, o Cacau, e os pilotos correrão de Yamaha.

Cacau aponta que essa equipe representará muito bem o Brasil, assim como o país esteve bem representado em 2012. A diferença deste ano, é que a equipe está mais experiente. “O Rafael Faria correu os Nações no ano passado, o Anderson Cidade defendeu o Brasil em 2010. Só o Hector Assunção que ainda não representou o país no MXDN, mas já tem experiência de mundial. Estamos muito confiantes. Tenho certeza que o time irá lutar até o fim para trazer bons resultados”, ressalta o chefe de equipe.

De acordo com o presidente da CBM, Firmo Henrique Alves, a participação do Team Brasil na competição já representa uma conquista para o motociclismo brasileiro. “Esses pilotos vão adquirir uma experiência no campeonato que ajudará o nosso esporte a crescer. Eles vão andar ao lado de grandes nomes do motocross mundial”, ressalta.

A competição será dias 28 e 29 de setembro, em Teutschenthal, na Alemanha. Os patrocinadores da equipe Brasileira são: Circuit, ASW, Rock Parts e Grupo Geração.

EQUIPE BRASILEIRA:

Hector Assunção (MX1)

Anderson Cidade (MX2)

Rafael Faria (Open)

 

…………………………………………………………………
*Fonte: crossclubebrasil

Trey Canard anuncia aposentadoria (#41)

Após 10 anos de carreira profissional no supercross e motocross – onde conquistou um título na categoria 250 costa Leste do AMA Supercross em 2008, um título do AMA Motocross na categoria 250 em 2010, além de ter feito parte da equipe dos EUA campeã do Motocross Das Nações, também em 2010 e ter conquistado várias vitórias no AMA Supercross e Motocross nas categorias 250 e 450, Trey Canard anunciou neste sábado (22) sua aposentadoria aos 26 anos de idade.

“Tive muitas lesões ao longo da minha carreira e sempre fiz o meu melhor para me curar e me recuperar. No entanto, sinto que não sou capaz de subir para o nível que preciso para ser competitivo nas corridas de nível mais alto. Estou triste em dizer adeus, mas também extremamente grato pelos últimos 10 anos da minha vida”.

Ao longo dos 10 anos de sua carreira, Canard travou disputas com alguns dos melhores piloto do esporte, como Ryan Villopoto, James Stewart, Chad Reed e Ryan Dungey e será sempre lembrado por seu estilo incrivelmente agressivo, além do bom humor e o sorriso que ele parecia ter sempre colado no rosto.

 

………………………………………………..
*Fonte: crossclubebrasil

 

Mundial de Motocross: James Stewart no GP dos Estados Unidos?

Pode ser apenas boato, mas um grande rumor nos bastidores do motocross norte-americano diz que James Stewart poderá disputar o GP dos EUA do Mundial de Motocross, marcado para o dia 3 de setembro, em Gatorback na Flórida, apenas algumas horas distante da pista particular de Stewart.

Esse rumor ganhou força depois que o também piloto e irmão mais novo de James, Malcom Stewart, foi até a Itália assistir um GP do Mundial de Motocross. O holandês Jeffrey Herlings, que é amigo dos irmãos Stewart, na época disse que não pouparia esforços para ver os dois juntos no GP norte-americano.

Para aumentar o mistério, dias atrás Malcom postou no Instagram uma foto com o seu capacete e o capacete de James lado a lado, com a seguinte legenda: “Not quite done yet (ainda não acabou)”. Se James, seu irmão, ou ambos disputaram o GP dos EUA, já será uma vitória para todos. Especialmente para os fãs.

……………………………………………………..
*Fonte: crossclubebrasil

 

 

 

 

 

 

 

Kawasaki 250F e 450F – 2018 (lançamento)

Já virou rotina. Metade do ano as fábricas começam a lançar e distribuir os modelos do ano seguinte. A moto desta semana é a Kawasaki 250F 2018, que chega com mudanças sutis ao mercado norte-americano já neste mês ao valor de 7.749 dólares. No Brasil, deve chegar só em 2018 mesmo.

A marca continua apostando no slogan “a moto que constrói campeões” para apresentar o modelo 2018 da sua 250F e promete melhor potência em seu motor. As inovações passam por novo cabeçote (com menor taxa de compressão), mais pressão na bomba de combustível, melhorias no acelerador e cano de escape, além da manutenção do sistema com dois bicos injetores.

A Kawasaki ainda promete que o modelo 2018 vem com melhorias nas suspensões dianteira (nova mola e nova válvula) e traseira, o que deve facilitar a pilotagem nas pistas mais esburacadas. Gráficos mudaram pouco. Veja os vídeos e confira mais abaixo fotos da KX 450F 2018!

 

……………………………………………………………
*Fonte: brmx

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Brasileiro de Motocross 2017 terá transmissão ao vivo pela internet

A temporada 2017 do Brasileiro de Motocross está prestes a começar. A 1ª etapa da competição será dias 3 e 4 de junho, em Cornélio Procópio, Paraná.

Nesta sábado, 27, a Confederação Brasileira de Motociclismo anunciou que fará transmissão ao vivo de todas as categorias: MX1, MX2, MX3, Junior, MX5, MX4, MXF, 65c, 50cc, MX2-Junior e Nacional 230cc.

Você poderá assistir as imagens no próprio site do BRMX. A entidade também ressalta que a Sportv seguirá exibindo um programa com os melhores momentos do evento.

 

…………………………………………………..
*Fonte: brmx