EUA irão criar Comando Espacial

As Forças Armadas dos Estados Unidos anunciou ano passado que criaria uma força espacial, agora isso está mais perto de se tornar real. O Comando Espacial, uma nova organização dedicada ao espaço, será inaugurada ainda este mês.

Em uma coletiva de imprensa no estado da Virginia na terça-feira (20), o general Joseph Dunford, chefe do Estado Maior americano, declarou que o comando será criado em 29 de agosto.

A organização irá supervisionar operações de todas as Forças Armadas americanas relacionadas ao espaço. Ela terá 87 unidades, inclusive divisões para monitorar mísseis balísticos, controlar operações de satélites e realizar vigilância no espaço.

Dunford afirmou que o comando irá colocar os Estados Unidos em uma posição de manutenção de uma vantagem competitiva no que ele chamou de uma área de batalha crítica.

Ele ressaltou a determinação americana de responder ao aceleramento das atividades militares de China e Rússia no espaço, tais como o desenvolvimento de armas para a destruição de satélites.

O governo do presidente Donald Trump já enviou um projeto ao congresso americano que visa o estabelecimento de uma sexta força militar. Ela teria status equivalente ao do Exército, da Marinha e do Corpo de Fuzileiros Navais, com criação durante o ano fiscal de 2020, que tem início em outubro deste ano.

*Por Any Karolyne Galdino

 

……………………………………………………………………..
*Fonte: engenhariae

Costa Rica: o país mais limpo do mundo. Até 2021 Zero Plástico e Zero Carbono

Não é de hoje – que, como alguns dizem, está na moda a questão ambiental – que a Costa Rica se dedica a explorar alternativas para o uso de recursos renováveis.

O pequeno país centro-americano vem sendo um grande exemplo ambiental no mundo, já que, desde 2014, 99% da energia do país é oriunda de fontes renováveis e há dois meses tem conseguido chegar a 100% de aproveitamento, segundo informou o Intelligent Living.

Há dois anos, o país decidiu, também, eliminar o plástico – o primeiro país do mundo a tomar tal atitude. Em 2018, a Costa Rica anunciou que, até 2021, pretende tornar-se o primeiro país do mundo também a ficar livre do carbono.

O Instituto de Eletricidade da Costa Rica (ICE) emitiu um comunicado argumentando que: “basear [a geração de eletricidade] em recursos renováveis permite que o país alcance uma das menores proporções de emissões de gases do efeito estufa para o consumo de eletricidade no planeta”.

O governo da Costa Rica, desde a década de 1980, é consciente de que a natureza é o seu principal ativo e vem fazendo desde então esforços para protegê-la: incluindo, entre outros, fechamento de parques zoológicos, reflorestamento e estabelecimento de áreas protegidas (25% da superfície total do país ).

A Costa Rica é abrigo de uma enorme biodiversidade e, por causa dela, o país vem demonstrado uma liderança ambiental ao buscar o reflorestamento, designando um terço do país de reservas naturais protegidas e retirando quase toda a eletricidade de energia hidrelétrica limpa.

No ano passado, no Dia Mundial do Meio Ambiente, o país anunciou seu novo plano nacional para erradicar todos os plásticos de uso único até 2021. O plástico já está sendo substituído por alternativas 100% recicláveis ou biodegradáveis e não à base de petróleo. Isso tem sido feito com o apoio técnico e financeiro do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento.

A economista Mónica Araya, especialista em sustentabilidade da Costa Rica e diretora da Costa Rica Limpia, que promove energia renovável e transporte elétrico, explica que:

“Livrar-se dos combustíveis fósseis é uma grande ideia vinda de um pequeno país. Essa é uma ideia que está começando a ganhar apoio internacional com o surgimento de novas tecnologias. Em um país que já está se afastando rapidamente dos combustíveis fósseis, concentrar-se nos transportes – um dos últimos grandes desafios – poderia enviar uma mensagem poderosa ao mundo ”.

O presidente eleito este ano, Carlos Alvarado Quesada, está disposto a reduzir a carbonização, ao anunciar que a Costa Rica irá banir os combustíveis fósseis e tornar-se a primeira sociedade descarbonizada do mundo. Em um discurso, ele disse:

“A descarbonização é a grande tarefa de nossa geração e a Costa Rica deve ser um dos primeiros países do mundo a realizá-la, se não a primeira”.

A Costa Rica Faz faz parte da Wellbeing Economies Alliance, uma coalizão que inclui Escócia, Nova Zelândia e Eslovênia, que, em vez de enfatizar o PIB dos países, “procura assegurar que a política pública avance o bem-estar dos cidadãos no sentido mais amplo, promovendo a democracia, a sustentabilidade e crescimento inclusivo ”, informa uma recente coluna do economista Joseph Stiglitz.

Naturalmente a Costa Rica, por ser um país pequeno, mais facilmente consegue colocar em prática ações que asseguram o desenvolvimento sustentável, as quais são um modelo importante e fundamental para servir de experiência a países maiores e com necessidades energéticas mais robustas.

*Por Gisella Meneguelli

 

 

………………………………………………………………
*Fonte: greenme

Van Halen deve fazer turnê em 2019 com formação clássica

O Van Halen deve retornar aos palcos em 2019 com sua formação clássica. Segundo o jornalista Eddie Trunk, a banda pode fazer uma turnê por estádios norte-americanos com a volta do baixista Michael Anthony.

David Lee Roth, Eddie Van Halen, Alex Van Halen e Anthony não se apresentam juntos desde 1984.

“Hesitei em falar sobre isso porque todo ano há rumores de que o Van Halen está prestes a fazer algo ou anunciar alguma coisa e, no fim das contas, isso não acontece”, começou Trunk em seu programa de rádio. “Porém, um pouco mais do que o normal, enquanto terminamos 2018, estou começando a ouvir alguns rumores”.

E continuou: “Os rumores de fontes confiáveis – mas rumores ainda não confirmados – é que a banda fará uma turnê em 2019 com a formação original, o que significaria o retorno de Michael, e que seria algo pensado para estádios”.

O vocalista David Lee Roth recentemente fez declarações misteriosas à Vulture sobre o assunto: “Quando voltarmos no verão e fizermos a coisa original, talvez em algum estádio, talvez com alguém famoso, eu me certificarei de conseguir todos os ingressos para que você possa ver o que fazemos por dinheiro. Porque, sabe, da próxima vez minha banda de rock estará tocando no mesmo lugar que os Yankees jogam. Ok?”.

Quando pressionado sobre se a banda tocaria no Yankee Stadium, Roth respondeu: “Sim, mas eu não posso… Se eu disser algo gravado aqui, todo mundo disser: ‘Ah, isso vazou…’ Mas, a banda vai — não posso dizer”.

Para apimentar ainda mais a conversa, Roth citou alguns possíveis convidados para a turnê, como Metallica, Guns N’ Roses e Foo Fighters.

…………………………………………………………..
*Fonte: ligadoamusica

Noruega é o primeiro país do mundo a banir o corte de árvores

A Noruega se tornou o primeiro país do mundo a se comprometer com o fim desmatamento em todo o território nacional, após decisão do Parlamento na semana passada. Para cumprir com a meta, o governo proibiu o corte de árvores e baniu a compra e a produção de qualquer matéria-prima que contribua para a destruição de florestas no mundo.

Na sessão decisiva, o Parlamento também se responsabilizou a encontrar uma maneira de fornecer alguns produtos essenciais, como carne, soja, madeira e óleo de palma, sem causar impactos no ecossistema. De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), esses quatros produtos são responsáveis por quase metade do desmatamento das florestas tropicais do planeta. A Noruega é a primeira nação a botar em prática a promessa feita junto à Alemanha e à Grã-Bretanha de promover esforços significativos contra cadeias de produção que gerem corte de árvores, assinada na Cúpula do Clima da ONU, em 2014.

Não é a primeira vez que o país escandinavo toma uma atitude pioneira em favor da proteção do meio-ambiente. Segundo a rede CNN, em 2008, a Noruega deu ao Brasil 1 bilhão de dólares (mais de 3 bilhões de reais) para ajudar a combater o desmatamento na Amazônia e a situação foi reduzida em 75% em sete anos. Além disso, o país está no processo de restringir as vendas de carros movidos à gasolina até 2025.

………………………………………………………………
*Fonte: veja

Robô com inteligência artificial apresentará noticiário na TV chinesa

Um robô dotado de inteligência artificial foi contratado para apresentar um programa de notícias em um canal da televisão da China, anunciou nesta quinta-feira a própria emissora.

Chao Neng Xiao Bai vai interagir com apresentadores humanos e analisar dados no jornal, que será exibido no “Nanning TV”, um canal de Guangxi. De acordo com os desenvolvedores, o robô pode funcionar por até 12 horas, precisa de quatro para carregar e vai fazer a sua estreia no próximo dia 6, tanto no canal convencional quanto no aplicativo.

A China é um dos países líderes em pesquisa de inteligência artificial e robótica. Robôs chineses já são empregados no país para tarefas até agora pouco convencionais para estas máquinas, como a redação de notícias, composição de poemas e cuidado de pessoas.

 

 

 

 

…………………………………………………..
*Fonte: epocanegocios

“Em 20 anos ninguém mais terá carros” – afirma lendário executivo automotivo

Bob Lutz, ex-vice-presidente e chefe de desenvolvimento de produtos da General Motors, afirmou para o portal Automotive News que “estamos nos aproximando do fim da era automotiva”.

As manchetes de tecnologia parecem corroborar sua previsão: enquanto o meio ambiente implora pela extinção do combustível e as estradas ficam cada vez mais lotadas e impossíveis de se trafegar, soluções como o Hyperloop, capazes de levar muitas pessoas de um lugar para o outro de forma mais rápida, segura e ecológica, despontam como o futuro mais provável.

 

A entrevista com Lutz fez parte de uma série jornalística chamada “Redesigning the Industry”, que explora o futuro desse negócio em plena mudança.

Lutz também ocupou cargos executivos importantes em empresas como a Ford, Chrysler, BMW e Opel. Ou seja, estamos diante da opinião de alguém que certamente entende do que está falando.

As grandes mudanças

Por centenas de anos, o cavalo foi o principal meio de transporte dos seres humanos. Nos últimos 120 anos, o automóvel tem sido.

Agora, estamos nos aproximando do final da linha para o automóvel, de acordo com Lutz.
O futuro? Módulos de transporte automáticos e padronizados.

 

Uber e concorrentes

“O estado final será o módulo totalmente autônomo sem capacidade para que o motorista exerça comando. Você vai convocá-lo, ele chegará à sua localização, você entrará, informará seu destino e navegará pela estrada. Na rodovia, ele se fundirá perfeitamente em um fluxo de outros módulos que viajam a 200, 240 km/h. A velocidade não importa. Você tem uma mistura de transporte ferroviário com transporte individual”, escreveu Lutz para o Automotive News.

Esses módulos funcionarão como um misto de transporte público rápido e táxi: você viajará sozinho, será cobrado pelo serviço quando chegar ao seu destino, e o modulo poderá seguir com outro passageiro.

A maioria desses módulos padronizados serão inclusive de propriedade dos Ubers e Lyfts da vida, argumenta Lutz. Uma minoria de indivíduos poderá optar por ter módulos personalizados, pela conveniência, mas isso provavelmente será algo restrito.

Os veículos, no entanto, certamente não serão conduzidos por humanos, porque em 15 a 20 anos, tal situação será proibida.

 

Carros autônomos ou sem motorista: a norma

Lutz aposta que o ponto de inflexão ocorrerá quando 20 a 30% dos veículos circulando na estrada forem totalmente autônomos, como o Google Driverless Car.

Os governos analisarão as estatísticas de acidentes e descobrirão que os motoristas humanos estão causando 99,9% deles. Logo, proibirão carros que precisam de motorista de circularem nas estradas.

Claro, haverá um período de transição. O executivo crê que cerca de cinco anos serão oferecidos pela legislação para que as pessoas tirem seus carros de circulação, vendendo-os para ferros-velhos ou trocando-os por módulos personalizados.

Mas e se o público não aceitar carros autônomos?

Lutz também argumenta que não precisamos de aceitação pública de veículos autônomos para eles se tornarem a norma, em caso de você estar pensando que carros sem motorista não vão ficar populares em tão pouco tempo por conta do medo das pessoas.

“Tudo o que precisamos é a aceitação pelas grandes frotas: Uber, Lyft, FedEx, UPS, o Serviço Postal dos EUA, empresas de serviços públicos, serviços de entrega”, disse.

Por exemplo, você faz uma compra em uma grande empresa como a Amazon, e recebe a entrega em módulos automáticos que nem sequer possuem o logotipo de marcas automotivas famosas, como Chevrolet, Ford ou Toyota. Na verdade, pertencem a Uber ou Lyft ou outra empresa competindo no mercado.

Logo, o público vai entender que este é o futuro, que é seguro e que funciona.

Outras mudanças

Lutz também fez outras previsões, como a de que empresas de transporte poderão solicitar módulos de vários tamanhos, sejam eles pequenos, médios ou grandes. Apesar disso, o desempenho será o mesmo para todos, porque ninguém vai passar ninguém na estrada. Esse é o sinal da morte para empresas como BMW, Mercedes-Benz e Audi, porque esse tipo de performance não vai importar mais.

Em cada veículo, você poderá solicitar diferentes níveis de equipamento, desde módulos básicos a módulos de luxo que incluem geladeira, TV e computador com conectividade. Não há limites para o que se pode incluir nos módulos, porque beber ou escrever mensagens de texto enquanto viaja não será mais um problema.

A importância do design também será minimizada, porque os módulos de alta velocidade precisam ser achatados nas duas extremidades.

O futuro das concessionárias

Tudo isso também implica, necessariamente, no desaparecimento do varejo automotivo como o conhecemos.

Os vendedores de carros continuarão a existir como um negócio marginal, como os vendedores de cavalos hoje, para pessoas que querem módulos personalizados ou que compram reproduções vintages de carros como Ferraris.

O esporte automotivo sobreviverá, apenas não nas rodovias públicas. Vai ser provavelmente uma coisa elitista, embora possam existir estradas públicas, como quadras esportivas públicas, nas quais você poderá se divertir por algumas horas.

“Como criadores de cavalo de corrida, haverá fabricantes de carros de corrida e carros esportivos e veículos off-road. Mas será uma indústria artesanal”, opina Lutz.

Em resumo, todo o grande mercado do automóvel, das oficinas mecânicas, das concessionárias e da mídia automotiva chegará ao fim em 20 anos.
A sobrevivência das montadoras

As montadoras de hoje só vão sobreviver se conseguirem se adaptar a esse novo mercado.

Lutz afirma que a General Motors está fazendo as escolhas certas, apostando em funções automáticas, para resistir quando a transição ocorrer.

“Penso que todo mundo vê [a mudança] chegando, mas ninguém quer falar sobre isso. Eles sabem que estarão bem por alguns anos, se continuarem a fornecer tecnologia superior, design superior e um bom software para a condução autônoma. Assim, por um tempo, a ‘ideia autônoma’ será capturada pelas empresas automobilísticas. Mas então isso vai se transformar, e o ‘valor’ será capturado pelas grandes frotas. Essa transição estará amplamente completa em 20 anos”, conclui Lutz. [AutoNews]

 

…………………………………………………………
*Fonte: hypescience

The Who: show em POA está entre 5 melhores da era moderna da banda

Brian Kehew, técnico de instrumentos do The Who, escreveu no blog que mantém no site oficial da banda que o show realizado na terça-feira, 26 de setembro, “certamente está entre as cinco melhores da era moderna do The Who”. A informação foi divulgada pelo gauchazh.

“Desde o primeiro momento, a noite foi completamente elétrica – mágica”, escreve Brian. “Nada sutil sobre isso – esta foi uma das noites míticas que raramente conseguimos ver. Não apenas um show bom, ótimo – foi INCRÍVEL. Sempre há chances que algo dê errado, um aparelho quebre, uma voz falhe. Mas não em uma noite verdadeiramente mágica. A banda tinha facilmente 20 ou 30% a mais de energia do que o habitual, e tocou de maneira intensa e com uma qualidade excepcional. Roger (Daltrey, o vocalista) tem a capacidade de conquistar o público mais tímido, mas nesta noite ele teve a audiência em sua mão desde o início, e, nesta noite, eu o via sorrir tanto quanto nenhuma noite antes”.

Em outra parte da narrativa, ele conta: “Há poucos shows com tamanha força que eu vi desde que entrei para o grupo em 2002. Lembramos com carinho de um show privado no The Orpheum Theatre, em Los Angeles que pode ser um dos maiores que em qualquer década. Palacio de Deportes, em Madri, em 2006, também foi excepcional. E esta noite (Porto Alegre) foi neste nível, certamente está no top cinco dos melhores shows da era moderna do The Who”.

>> Leia o texto completo e CONFIRA VÁRIAS FOTOS (muito legais) do show de Porto Alegre, por Brian (em inglês) no link abaixo.
http://www.thewho.com/backstage-blog/anfiteatro-beira-rio-porto-alegre-brazil-september-26-2017/

12-5

…………………………………………………..
*Fonte: whiplash

 

28 toneladas de sódio serão retiradas da alimentação do brasileiro até 2022

Após um acordo entre o governo federal e a Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (Abia) ocorreu uma retirada de 17 mil toneladas de sódio dos alimentos fabricados entre 2011 e 2016. A parceria, renovada até 2022, tem objetivo ainda de acabar com o total de 28,5 mil toneladas de sódio dos produtos.

De acordo com informações do Ministério da Saúde, a primeira categoria a reduzir sódio em sua composição no novo acordo foi a de pães, bisnaguinhas e massas instantâneas. Em 2011, quatro fatias de pão por dia representavam 40% da quantidade de sódio diária (796 mg). Após o acordo, esse índice, em 2016, passou a ser 22% (450 mg). Em 2020, a expectativa é chegar a 20% (400 mg).

“É uma área importante já que é a que mais aporta sal na alimentação da população. A parceria com a indústria é essencial para permitir uma redução de sódio na composição dos alimentos”, ressalta a coordenadora-geral de alimentação e nutrição do Ministério da Saúde, Michele Lessa.

O brasileiro ingere 12 gramas de sódio por dia, mais que o dobro do máximo sugerido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), de cinco gramas. Esses hábitos são responsáveis por causar doenças como hipertensão, diabetes e obesidade que, junto a doenças cardiovasculares, respiratórias e câncer, respondem por 72% dos óbitos no país.

Durante os cinco anos de vigência do acordo entre governo e a Abia, foi detectada redução no teor de sódio em 30 categorias de produtos da indústria de alimentos, que representam cerca de 70% do faturamento do setor. Confira alguns destaques:

Mistura para sopas: quantidade caiu 65,15%. Antes, eram mais de 300mg de sódio para cada 100g de alimento. Agora, são 115,5mg.

Sopas instantâneas: a redução foi de 49,14%. Quantidade passou de 339,4mg para 170mg por 100g de alimento.

Linguiça cozida a temperatura ambiente: foram registradas reduções de 15,6% .

Linguiça frescal: a redução foi de 10,5%.

Linguiça cozida resfriada: redução de 9,4%.

Queijos e requeijões: reduções de 23,1% e 20,4%, respectivamente.

O acordo foi renovado no mês passado pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros. Na ocasião, foi lançado também o Portal Saúde Brasil -, ferramenta digital com orientações sobre os benefícios da adoção de hábitos saudáveis.

 

……………………………………………………………………..
*Fonte: ciclovivo

 

Garoto faz experimento adorável: abraçar cachorros de rua e esperar as reações

Todos os animais precisam de amor, mas não são todos que recebem o carinho da mesma maneira. No caso dos cachorros, a discrepância nesse sentido pode ser enorme. Enquanto alguns animais vivem em uma casa e recebem uma boa dose de amor todos os dias, os cachorros de rua precisam se virar do jeito que podem. Mas um experimento mostra que eles também adoram receber abraços. ♥

O experimento, realizado em dezembro do ano passado, levou um jovem a passar um dia abraçando cães que vivem nas ruas. Primeiro, ele se aproximava do animal com cautela para ganhar sua confiança. Logo, começava a fazer carinho no cachorro até que ele estivesse mais próximo. Só então o jovem abraçava o animal – e as reações dos bichanos são lindas de se ver.

Alguns cachorros parecem até mesmo pedir mais carinho e abraços para o garoto, enquanto outros chegam a deitar em seu colo numa clara demonstração de afeto canino. Um vídeo que divulga a ação foi publicado no Youtube para atrair a atenção para um abrigo de animais que estava sendo construído na Tailândia.

 

…………………………………………..
*Fonte: hypeness

 

Reino Unido testa asfalto 60% mais resistente que é feito com plástico retirado dos oceanos

A Holanda já havia anunciado querer testar um asfalto feito a partir de plástico retirado dos oceanos. O uso do material, atualmente, está “na moda”, já que se trata de um recurso demorado para se decompor na natureza e que, infelizmente, é cada vez mais descartado de forma incorreta pelo homem. Além disso, uma série de toxinas que prejudicam nossos solos têm ligação com os vestígios deixados pelo plástico. Não por acaso, o que não falta por aí são iniciativas para reutilizar e reciclar todos esses resíduos espalhados por aí!

Uma das mais recentes vem do engenheiro Toby McCartney, que desenvolveu uma técnica para revestir as ruas com material parecido com o concreto convencional, mas composto por plástico descartado. A empresa, chamada MacRebur, garante que o substituto é 60% mais resistente que o asfalto comum e tende a durar 10 vezes mais.

Substituto do famoso betume, comercializado por empresas que extraem petróleo, os plásticos descartados aos montes por domicílios e espaços comerciais são a matéria-prima do produto de Toby. Mas tudo só foi possível graças à sua filha: ao ser questionada por sua professora sobre o que vive nos oceanos, a pequena respondeu: “Plástico”. Seu pai não queria que ela vivesse em um mundo onde isso fosse verdade e tratou de fazer sua parte!

O primeiro teste do composto foi realizado na calçada do engenheiro. Ao perceber que funcionava, a empresa aplicou a técnica em novas ruas do estado de Cumbria, localizado no norte da Inglaterra. Dedos cruzados para que os próximos testes também funcionem!

Assista ao vídeo da iniciativa aqui.

…………………………………………………………..
*Fonte: thegreenestpost

 

CONFIRMADO: Lynyrd Skynyrd e ZZ Top farão shows no Brasil em outubro

Mês passado era apenas um boato, mas agora é certo: Lynyrd Skynyrd e ZZ top farão shows no Brasil em outubro.

As informações são do site da Veja:
A turnê de despedida do Deep Purple passa em outubro pelo Brasil.

O quinteto inglês irá se apresentar nos dias:
– 21 / Rio de Janeiro
– 22 / São Paulo
– 24 / Curitiba
*Tendo ao seu lado o southern rock do Lynyrd Skynyd e o tex-mex do ZZ Top.

 

*Desde já separando uns trocados. Sem contar que em setembro teremos The Who e quem sabe… The Cult…

…………………………………………………………..
*Fonte: southernrockbrasil

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Led Zeppelin reunido e com novo Disco para esse ano!???

Esses caras só maltratam nossos corações! Será que esse ano teremos a chance de desfrutar um novo trabalho do Led e, quem sabe, ainda curtir um show memorável?

Havia duas possibilidades, a primeira foi lançada dizendo que essa reunião aconteceria em 2016. O ano já virou, e nada de novidades… Porém, havia outros rumores sobre novos trabalhos e uma turnê para 2017, ou seja, ainda há chances.

Mas a nossa curiosidade e ansiedade não cessam. E acabamos descobrindo também que há uma outra possibilidade: Jimmy Page prometeu novo trabalho solo, e disse que também há possibilidades de sair em turnê esse ano!
O guitarrista deu uma entrevista à rádio Planet Rock no segundo semestre do ano passado, e confirmou que pretende voltar aos palcos.

Page não excursiona desde 98, já faz muito tempo, por isso a expectativa do público é ainda maior. Em uma entrevista anterior, dada à Guitar World ele já tinha contado algumas pequenas coisas sobre esse novo plano. “Tocaremos materiais de diferentes eras. Mas como disse, poderão haver surpresas. Não será exatamente o que as pessoas estão esperando”.

Ano passado o site mediamass.net também liberou uma nota com  rumores de que o Led Zeppelin estaria em estúdio produzindo um novo disco e que 8 músicas já estavam gravadas. Falava-se até que tudo estava sendo feito na surdina, e o estúdio teria colocado seguranças nas portas para garantir que nada vazasse. Será verdade? Vamos aguardar!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

………………………………………………….
*Fonte: bileskydiscos

**Para celebrar esse momento mágico (se é que vai acontecer ou não,mas não importa), um áudio safado de uma música que nunca foi lançada oficialmente pela banda em um álbum (foi apenas lado B de um single), masjá que o Led Zeppelin é simplesmente a MAIOR banda de rock da história. Sorry Beatles& Stones, mas faz parte. Não tem conversa sobre isso!

E quem disse que a vida é justa!?

MXGP da Argentina – Mundial de Motocross na Patagônia ao vivo na BAND Sports

MXGP, terceira etapa do Mundial de Motocross 2017, 19/03 domingo, ao vivo, GP da Patagônia, Argentina.

O canal Band Sports estará transmitindo com exclusividade a partir das 13h00, ao vivo, a primeira bateria da principal categoria do MX no planeta. As 17h00 , transmissão da segunda bateria do GP da Argentina, tudo na integra, com entrevistas, bastidores e mais …

Fiquem ligados, pois essa etapa em lugar maravilhoso, pista com terreno e topografia incríveis, prometem disputas emocionantes …

Novo Volkswagen Karmann-Ghia 2017

O novo Volkswagen Karmann-Ghia 2017 possui linhas agressivas em relação ao original, mas é fiel ao estilo do clássico nacional. Tanto em versão cupê quanto na conversível, o projeto não foge do objetivo da Karmann-Ghia, que é recriar o antigo esportivo e colocá-lo no mercado nacional.

A empresa pretende construir a versão de produção sobre uma plataforma já disponível no mercado brasileiro, mas aparentemente não fechou acordo com qualquer montadora. A Karmann-Ghia está investindo na modernização da fábrica da Anchieta, em São Bernardo do Campo/SP, a fim de retomar a produção de veículos, seja da própria marca ou de terceiros. Você gostou desse projeto? Será que sai do papel ?

……

*Fonte: aglomeradodigital
Confira aqui mais fotos e um vídeo:
http://aglomeradodigital.com.br/novo-volkswagen-karmann-ghia-2017/

 

novo-volkswagen-karmann-ghia-2017-01

 

 

 

 

 

 

 

novo-volkswagen-karmann-ghia-2017-02

 

 

 

 

 

 

novo-volkswagen-karmann-ghia-2017-03

 

 

 

 

 

 

novo-volkswagen-karmann-ghia-2017-04