Você está em um estado constante de alucinação controlada

Neste exato momento, bilhões de neurônios em seu cérebro estão trabalhando em conjunto para gerar uma experiência consciente – e não apenas qualquer experiência consciente, mas sua experiência do mundo ao seu redor e de si mesmo dentro dele.

E como isso acontece?

Segundo o neurocientista Anil Seth, todos nós alucinamos o tempo todo. Quando concordamos com nossas alucinações, chamamos isso de “realidade”.

A experiência de estar consciente x realidade

Seth, que trabalha em um laboratório na Universidade de Sussex (Reino Unido), deu uma palestra TED Talks muito interessante, que você pode conferir no vídeo abaixo (com legendas em português).

A organização TED promove eventos sobre ideias que eles acreditam que vale a pena divulgar, como essa apresentação desorientadora de Seth, que vai te deixar questionando a própria natureza de sua existência.

Vale a pena cada um dos 17 minutos em que o neurocientista cita as diferentes formas pelas quais vivenciamos nosso ser, e como elas podem se despedaçar totalmente.

Isso significa que a experiência básica de sermos quem somos é uma construção bastante frágil do cérebro – assim como podemos interpretar mal o mundo, podemos interpretar mal a nós mesmos quando nossos mecanismos de “palpite” falham.

Entender isso abre diversas novas oportunidades na psiquiatria e neurologia, porque finalmente podemos agir nos mecanismos em vez de apenas tratar os sintomas em problemas como depressão e esquizofrenia. [TED]

*Por Natasha Romanzoti

 

………………………………………………………..
*Fonte: hypescience

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.